Vivemos à margem, nas margens...

Vivemos à margem, nas margens...

Este é o pedaço de território onde queremos partilhar as nossas aventuras ao longo do comprido rio que temos vindo a seguir. Dois olhares diferentes, duas vistas distintas, mas sempre guiadas pelo mesmo farol...

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Seeing is deceiving; Dreaming in Believing.


Pfff Sugestões?

Alguém tem sugestões para passagens de ano? Programinhas simples e simpáticos? Lisboa e arredores, mas sugestão de qualquer outro sítio também será analisado...
Estamos a desesperar.

Isto porque para Mont St.Michel já não dava para reservar, por isso terá de ficar para a próxima =p (kidding)

sábado, 24 de dezembro de 2011

Feliz Natal para Tod@s


Mesmo para os não religiosos, o Natal pode, e deve, ser um momento de reflexão, agradecimento e amor. Sei que Nós, por estes dias, temos pensado mais na Nossa vida e na Nossa história e podem ter a certeza que uma das coisas que mais temos para agradecer, neste ano, é o início deste Blog e da vossa participação. Obrigada :)
Que este Ano traga muita felicidade, saúde e Paz. Não são novos votos, mas mentiría se estivesse a dizer quaisquer outras coisas.

Um beijinho natalício para tod@s vós da A.G. e a T.S.

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Cuidado com os nomes que dão aos filhos.

Realmente, há pessoas com azar...

Qual é a probabilidade de andar à procura de um autor chamado Stoker, com obra editada em 1986, dentro do tema "restos mortais", e encontrar como primeiro resultado de pesquisa: Bram Stoker - O Drácula - nova edição paperback.?

E qual é a probabilidade de, depois de isto acontecer, ter o cuidado de ir ver novamente o nome à bibliografia e colocar na pesquisa o nome do autor "D.J. Stoker" e aparecer um Disc Jockey chamado Stoker?

Numa sociedade como a que vivemos, em que maioria das pessoas não se dá ao trabalho de fazer uma terceira pesquisa, este senhor que eu queria pesquisar (e afinal é cirurgião) está destinado ao esquecimento...

Por isso, cuidado com os nomes que se dão aos filhos.


Fonte: http://wtfoodge.com/is-dracula-on-my-head/

PS.: Para quem gosta de Drácula, achei este cartoon hilariante.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Hey! A Little less Conversation!

Há dias em que me apetece interromper algumas pessoas e começar a cantar-lhes isto :

"A Little Less Conversation, a Little More Action, Please!" (...) Don't procrastinate, don't articulate"


Confesso que só me lembrei disto porque hoje decidi começar o dia com esta música, a caminho do trabalho:


Às vezes gostava de ver a minha figura ao volante.........
...... Não, afinal acho que é melhor não.

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Roteiro Gastronómico


19:30h: Dois pastéis de Belém cada.
20:00h: Pastel de Bacalhau, Caldo Verde, Pão com Chouriço e Arroz Doce, na Merendeira.
21:00h: Gelado enorme no Santini.
22:20h: Bife da vazia da Portugália.
01:50h: Crepe de chocolate com gelado de nata, Pingo Doce.

Nota: Não podemos voltar a repetir esta despesa monetária e abuso de carga calórica na mesma noite no espaço de HORAS!!!!

...E vamos lá ver quem é que consegue dormir, cheia desta maneira!

P.S.: Estão muitas marcas neste Post e poucas críticas negativas... acho que devíamos começar a pedir custos de representação. =p

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Alas, poor Yorick...

Imaginem uma faculdade de aulas exclusivamente relacionadas com economia, sociologia, comunicação, estratégia, etc... Disciplinas Teóricas. Agora imaginem isto (ou uma versão mais contemporânea: sem batas e com menos bigodes) numa das salas dessa faculdade...


E agora imaginem um rapazinho engravatado, cabelo impecavelmente penteado e pastinha na mão. Entra na sala com muita determinação e, de repente, pára bruscamente e olha à volta. Numa mesa um crânio, noutra uma coluna vertebral completa desmontada, noutra um calvarium, noutra uma omoplata e um esterno. Depois, com ar assustado, vê-me só a mim na sala, e pergunta:

Rapazinho que parece tirado da revista Marketeer:

 - Isto.... Isto não é a aula de Estratégias de Tomada de Decisão....Pois não?

A.G. *com um pão com chouriço a caminho da boca aberta, pára de ler uma revista sobre cinema, e olha para um fémur que está na sua mesa, a um palmo de distância*:

- Hum...Não.

Rapaz sai de marcha-atrás, com a cara petrificada.

Fonte da Imagem: http://virtualandmemories.blogspot.com/2010/07/o-doutor-bernardino-machado-com-os-seus.html

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

"Mini-carros"


Quando chego à faculdade tenho quase sempre dificuldade em encontrar lugar para estacionar. De cada vez que acontece, existe um fenómeno a que chamei "mini-carros" que me faz apanhar um camadão de nervos. Geralmente estão estacionados e todos encostadinhos à frente. O meu monólogo interior é sempre algo deste tipo:

- ESTÁ ALI UM LUGAR!! BOAAA!! :D *bruuuuuuuuuum* Afinal está ocupado, que grande #%$&#!!!

Sou só eu que acho que deviam existir uns lugares especiais para estes "mini-carros" nos parques de estacionamento? :p


Fonte Imagem: http://www.green.autoblog.com/2009/03/20/smart-fortwos-get-half-price-parking-in-350-new-york-parking-gar/

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

A Dangerous Method

Fomos ver...

Keira Knightley brilhante como sempre. Viggo Mortensen camaleónico (gosto dele neste registo) e Michael Fassbender surpreendente depois de X-Men.


Para quem gosta de Freud, não espere aprender nada de novo, mas antes ver aplicada a teoria. Para quem não conhece: é uma boa oportunidade para o fazer, mas corre o risco de ficar com uma ideia demasiado insane e promíscua da teoria da psicanálise (ou psicoanálise ;) ) - A Fase Anal do Desenvolvimento Psicossexual, por exemplo, é explicada de forma tão súbita e descontextualizada, que quem não está familiarizado pode 1- Não perceber 2- Ficar com uma ideia absurda.

Mas dá que pensar sobre a natureza humana e sobre quais são, afinal, as "únicas" variáveis da vida. É um filme que nos deixa reflectir sobre "instinto" e "repressão"; "amor" e "sexo"; "intelecto" e "loucura", "sobrevivência", ... e não nos faz questionar os nossos ideais, mas antes reafirmar para nós, o que é a nossa crença. A mim, voltou a ensinar-me uma coisa: não há teoria absoluta. Por mais lógico que tudo nos pareça, nada é inquestionável. Nada é irrefutável. Nada fica preso na barreira do verdadeiro ou falso. Logo, tudo é livre.

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

These dreams...


Surpreende-me como é que as pessoas desagradáveis não se dão ao esforço de tentar conviver em harmonia com os outros. Ninguem pede para serem simpaticos - só harmonia.

Supreende-me como detesto fazer os outros tristes e há quem o faça, com consciência e sem remorsos.

Surpreende-me como há quem queira "deitar abaixo" o próximo e continuar a caminhar como se nada fosse.

Surpreende-me quando se fala em bom senso e quando o vejo em tão pouca gente.

Surpreende-me que não consigam ver que a paz, a convivência, o riso, e a estabilidade são as melhores aventuras e desafios que se possam ter.

Surpreende-me que o ser humano se esteja a tornar mais efémero que a própria efémera. Sempre admirei a espécie humana por se distinguir das outras ao honrar um legado, viver um presente e projectar um futuro. Neste momento, vivemos só para o segundo e isso está a desumanizar-nos.
 
Sempre pensei que o ser humano estivesse a evoluír. Mas afinal só uma mão-cheia de pessoas é que consegue ser aquilo que esperamos e ao mesmo tempo surpreendentes. A essas pessoas chamamos de "especiais". E é uma pena o Homo Specialis ser uma espécie em via de extinção.

Entretanto, quando me quero distanciar deste Mundo e sonhar um pouco, ponho os fones nos ouvidos e vivo, durante uns minutos, num pequeno universo paralelo ao som de...


Desculpem o desabafo. Mas há realmente dias em que a nossa vida só, não chega.

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Conversas de cama (e Além-Cama) #3 e #4

#3





(...)
T.S.: Vá, conta lá, mas sê curta e concisa.
A.G.: Eu? Tu é que quando me queres contar sobre como correu um teste, quase que começas por falar da formação da Pangeia!
__________________________________________________________________
#4





A.G.: *envergonhada* Comprei um Jogo novo...
T.S.: Qual?
A.G.: L.A. Noire.
T.S.: Foi aquele que viste no outro dia, muito caro?
A.G.:...........Sim....
T.S.:...
A.G.:...
T.S.: Sabes, conta conjunta NEVER!!!





*A T.S. ligou-me a dizer que me tinha enganado em dois pormenores das conversas, mas já alterei =P

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

L.A. Noire

Não, numa relação lésbica não existe "o homem" e "a mulher".

Não, não tenho quaisquer ideias predefinidas sobre o que são características masculinas e características femininas.

Não, tenho todo o orgulho em sermos duas "meninas".


....







Mas, really, no que toca a jogos...I'm such a guy =P








p.s: Na realidade sou uma "gamer-chick" mas isso não faz com que não me sinta como um rapazinho quando um compro um jogo novo. E infelizmente, no que toca às estatísticas, o número de machos que jogam ainda vai à frente das fêmeas. :(







Fonte da Imagem: http://pipocaenanquim.com.br/2011/06/para-jogar-l-a-noire/

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Conversas de Cama (e Além-Cama) #2

T.S.: Se eu ficasse muito muito muito gorda, sem me conseguir mexer, o que é que fazias? *voz triste*
A.G.: Punha-te a andar.
T.S.: *em choque* OH AMOR! A SÉRIO?
A.G.: Sim... Porquê?
T.S.: Eras capaz de me fazer isso?
A.G.: Claro, fazia-te bem.
T.S.: *triste sem responder*
*Minutos de silêncio depois*
A.G.: AH! Espera! Não percebeste! Punha-te a andar, sim. Mas literalmente! Para te mexeres!

11.11.11

Para todos aqueles que passaram pelo 11 do 11 de 11, sem dar por nada...até chegar dia 12 e depois lembraram-se "Epá...Pois foi!"

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Dois dedos de conversa

Como se esta conversa não fosse estranha o suficiente, fora de contexto:

A.G.: Então e estás a gostar da experiência?
Amiga: Até estou a gostar. Mas olha que é difícil. É preciso por os dedos em cada posição... Aquilo só para pianistas!!
A.G.: Ahahahah Ainda por cima tens as mãos pequeninas xD Vais endireitar os teus dedos meio curvados, com a prática! :)
Amiga:...
A.G.: ***Acho que acabei de me denunciar sem querer...***

Note to self: Comentários detalhados sobre mãos alheias e a sua observação ficam na esfera privada.

P.S.: Estávamos a falar de linguagem gestual.

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Coração: Aldeia Global

Ainda com esta música na cabeça...

A Professora, na aula de pós-graduação:

- Sabem quando uma pessoa reconhece o parceiro ou parceira, só pelo cheiro?

A.G. *Então não sei!*

- Nem sequer é o perfume, é mesmo o cheiro pessoal de cada um.

A.G. *Sei perfeitamente qual é. E é cheiro a bebé, não é a perfume.*

- E depois quando pegam numa camisola e sem querer a cheiram, até parece que ficam com saudades?

A.G. *Já estou com saudades, só de me lembrar...*

Realmente, há sentimentos íntimos, tão globais. Todos os dias encontro provas disso e todos os dias me surpreendo. Como é que uma coisa que para mim é tão íntima, tão próxima, tão natural mas tão particular é, afinal, um sentimento tão universal. Uma coisa que parece ser só da minha mente e do meu coração, e afinal é da mente e do coração de todos. Mas nunca deixa de ser tão particular e tão íntimo e tão Nosso. É um fenómeno fantástico e que todos os dias me deixa a pensar. O coração é afinal, uma pequena aldeia Global. E fico feliz de sentir que aquilo que tenho é único....e é de todos.

Fascínios


Hoje ao ler este texto (maravilhoso), recordei-me do fascínio que tenho pelas cidades que são evacuadas/abandonadas após os acidentes nucleares. Gostava de um dia poder vaguear por entre estes vestígios de vidas interrompidas.

Fonte Imagem: http://conteudoagridoce.blogspot.com/2011/07/pripyat-e-seu-futuro-de-lembrancas.html#axzz1d43ZHYx0

sábado, 5 de novembro de 2011

Really?!


Ontem estava à lareira entretida a explorar as funcionalidades do telemóvel da minha mãe, um Nokia já com alguma idade, e abri a pasta onde estão as mensagens modelo que vêm já escritas no telemóvel. Havia várias: "Telefona-me.", "Não posso ajudar.", "Reunião cancelada.", entre outras. Mas houve uma que me deixou a pensar, dizia "Também te amo.". Percebo que a ideia é poupar tempo e acho que podem ser bastante úteis, mas neste caso não será um exagero? No entanto, descansou-me saber que no meu que é um pouco mais recente, já não vem esta mensagem.

Fonte Imagem: http://geekarmory.com/textually-active-t-shirt/

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

domingo, 30 de outubro de 2011

Conversas de cama (e além-cama)...#1

Lição #1: Nunca ir para a cama de barriga vazia.


*Ao telemóvel, já tarde.*


(....)
A.G.: Oh, amor. Isto é grave, dá-me a tua opinião.
T.S.: ...
A.G.: T.S., estás a dormir?
T.S.: ...
A.G.: HEY! ESTÁS A DORMIR?
T.S.: Uh? Não...Não... Diz, amor.
A.G.: *repete a lengalenga toda*
T.S.: fdsklfjeskhfbjkds
A.G: O que estás a dizer? Não percebo.
T.S.: sejfhiksknhjfcjhfskj Sobremesa...
A.G.: Amor.... Disseste "Sobremesa"?
T.S.: Ai, desculpa, desculpa. Já estava a dormir. Repete lá.
A.G.: *repete a lengalenga toda*
T.S.: sdksdflnjfkdskjlkwi Batatas Fritas...
A.G.: Oh amor, a sério? Batatas Fritas?
(...)

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Oh, Crappy day(s)...

Não desejo um dia (ou dias) como este a ninguém...


P.S: O que me vale ainda é saber que, quando posso, vou ligar-te e ouvir a tua voz tranquilizadora. Tem-me servido de desfribilador.

Fonte Imagem: http://francescacrescentini.wordpress.com/2008/04/04/an-everlasting-bad-day/

domingo, 23 de outubro de 2011

Chuva

Eu gosto muito de chuva mas parece-me que esta semana de adaptação vai ser complicada.
Desejo uma boa semana a tod@s, com ou sem chuva!


Fonte Imagem: http://tashakun.blogspot.com/2011/10/raining.html

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

It's a date! b.muu.

Já tinha ouvido falar neste local e agora fui "tropeçar" nele novamente.



T.S., da próxima vez que jantarmos em casa, nesta Margem, vamos primeiro comprar dois (ou quatro, se forem bons! ;)) destes. Que dizes? It's a date?

Alguém já provou e confirma a reputação? Ouvi dizer que o Grécia era bom. Alguma sugestão? :p



quarta-feira, 19 de outubro de 2011

A outra face da moeda


Há pouco tempo andava a consultar as ofertas de trabalho e vagas para voluntariado para os Jogos Olímpicos de Londres, quando fiquei de boca aberta ao ler que a organização tinha o orgulho de privilegiar os candidatos que pertencessem a minorias, nomeadamente Homossexuais, Bissexuais e Transgéneros. Privilegiam diversidade!

Há primeira vista, parece uma óptima notícia. Mas convido-vos a ler isto com um espírito mais crítico: "privilegiar". Really? Se "antes" a comunidade LGBT era oprimida agora tem de ser "privilegiada"?
Teriam toda  a minha admiração se tivessem orgulho em encorajar a diversidade. Mas privilegiar? Aposto que muito gente não-LGBT concorreu dizendo que o era, na esperança de conseguir entrar: porque afinal, a organização PRIVILEGIA a diversidade.

Será que um Homossexual não pode concorrer em igualdade com um Heterossexual, tem de ser "oprimido" ou "privilegiado"? Será que algum dia falaremos, realmente e no sentido correcto da palavra, em Igualdade?

A intenção é notável e percebe-se imediatamente o que é pretendido. Tem todo o meu mérito. Mas continuo a pensar que devemos ter cuidado com a maneira como é tratado este assunto: o objectivo da Igualdade não é ser diferenciadora, é ser Igualitária.

Passamos de um preconceito para...outro. Tenho muito orgulho no que sou, mas gosto de ser avaliada, para o bem e para o mal, pelas minhas capacidades, não por pertencer a uma minoria, thank you very much. 

terça-feira, 18 de outubro de 2011

House by the river

E assim se começa a escrever pelas Margens... A surpresa foi tanto inesperada como agradável (mais que agradável!) e depois de tantas obras, finalmente conseguimos abrir o nosso pequeno cantinho. O Marktub permanecerá sempre como o "Início" mas o Margens será a agradável "Continuação", mais madura mas sempre cheia de amor e carinho, honestidade e respeito. É acompanhada também de um desejo de nos "mostrarmos mais ao Mundo" que é uma evolução natural e positiva da relação. Mas mais do que um blog sobre Nós: este blog é sobre cada uma das duas Margens do nosso rio.

 Se é nosso desejo, um dia, partilhar uma casa de quatro paredes, podemos muito bem começar com uma casa escrita a quatro mãos e a ser visitada por muitos olhos (assim o esperamos! :D)

Quanto à TS, o meu muito obrigada por tudo aquilo que tu bem sabes. A todos os outros, um grande "WELCOME!" :D

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Inauguração

Hoje é o grande dia!
Estamos a inaugurar o nosso novo cantinho que desejamos nos venha a trazer boas partilhas e boas memórias. Vamos deixar por aqui os nossos pensamentos acerca do mundo e também acerca do Nosso Mundo. Já tivemos uma outra casinha, o Maktub, que fará sempre parte da nossa história e pelo qual temos muito carinho, porque foi o primeiro espaço onde nos foi permitido pela primeira vez falar de Nós sem qualquer reserva. Durante os próximos tempos vamos estar em "obras" até conseguirmos configurar o Margens a 100%. Ah!, e aceitamos sugestões das visitas que arriscarem vir a esta inauguração.
Sejam tod@s bem-vind@s e esperemos que se sintam bem aqui na nossa nova casa, tal como nós nos sentimos quando visitamos as vossas! :)

P.S.: Este primeiro post é também uma pequena prenda de "mesiversário", uma vez que fazemos hoje 3 anos e 6 meses de namoro, e a A.G. não sabe que é hoje a inauguração! Vai ser surpresa. :)




Fonte Imagem: http://www.snapstudio.org.uk/hello/contact